Acadêmicos de Medicina Veterinária da FACIT participaram do Smart Agro do Sindicato Rural de Araguaína e SEBRAE

Os alunos apresentaram soluções inovadoras que podem beneficiar desde o produtor agropecuário até a “mãe de pet”

A FACIT – Faculdade de Ciências do Tocantins é uma instituição que preza pelo estudo tecnológico, por isso incentiva seus acadêmicos a participar de eventos que tenham uma pegada no futuro. No último sábado, 4, os acadêmicos do curso de Medicina Veterinária participaram do Smart Agro do SRA – Sindicato Rural de Araguaína e SEBRAE que foi realizada dentro da EXPOARA – Exposição Agropecuária de Araguaína 2022.

Os acadêmicos apresentaram soluções tecnológicas inovadoras criadas que podem beneficiar desde o produtor rural, até o proprietário de rebanhos de grande porte, passando pelos “pais de pet” preocupados em manter em dia a vacinação do filho de quatro patas.

Inovação

A tecnologia já faz parte de vários setores produtivos e de serviços. O profissional que souber aplicá-la no seu dia a dia, sairá na frente dos que ainda são resistentes aos novos tempos. De Petshops até a pecuária, se tem um computador envolvido, tem inovação. 

“Esse Smart Agro dentro da Expoara é superimportante porque os acadêmicos estão no processo da disseminação tecnológica, inovação de pequenos negócios onde eles poderão enxergar soluções escaláveis, tanto para a profissão quanto na proteção de animais, como soluções, mesmo de saúde, atendimento animal. A FACIT se orgulha da dedicação e desempenho dos estudantes”, destaca a Diretora Geral da FACIT, Dra. Ângela Maria Silva.

Foram apresentados mais de 15 trabalhos, uma comissão comentou cada um deles e discutiu sua aplicabilidade, além de benefícios para a comunidade.

“Todos os trabalhos tiveram muita dedicação, os acadêmicos apresentaram soluções inovadoras, o futuro é trazer a medicina veterinária junto dos sistemas de inovação e levar de repente uma ideia que posteriormente se transformará em um marco dentro da vida daquele grupo”, comentou a presidente do CRMV-TO – Conselho Regional de Medicina Veterinária do Tocantins, Marcia Helena da Fonseca.

Vivência no meio tecnológico

A professora Rafaella Kalil participou ativamente da orientação de cada um dos trabalhos, destacando a importância dessa vivência dos estudantes no meio tecnológico e da inovação.

“É um evento importante para que eles tenham uma vivência do mundo de startups dentro da faculdade, o mundo de empreendedorismo inovador dentro de uma disciplina de ensino superior”, comenta a professora.

As soluções apresentadas partiram de ideias apontadas por produtores rurais e até mesmo de necessidades do cotidiano dos estudantes, como foi o caso da DogGenda, uma agenda para auxiliar os tutores de pets a organizar a rotina do animal, como o dia para banho, consultas veterinárias, vacinações, controle de ração, dentre outros.

“Tive essa ideia porque na minha casa eu tenho quatro cachorrinhos e a bagunça é grande na hora de organizar quem tem de ir para o banho, tomar vacina ou ir ao veterinário, a DogGenda centraliza todas as informações e agendamentos em um único lugar, facilitando bastante a vida do tutor”, explica a acadêmica Milena Valéria Nunes.

O grupo de acadêmicos formados pela Michele dos Santos Gomes, Maria Clara Miranda e Cássio Macedo criou o Petshop QLate, uma aplicação desenvolvida para facilitar a vida dos veterinários e de petshops.

“É sempre bom ver como esses novos projetos envolvem a tecnologia, ainda mais quando eles podem ser aplicados em um ramo que eu amo, que é a medicina veterinária, com certeza estarei mais ligada em atualizações tecnológicas e aplicarei todas no meu dia a dia de trabalho”, finaliza a acadêmica Michele dos Santos.

Compartilhe esta postagem »»

Facebook
Twitter
LinkedIn
Email
WhatsApp
Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support

Eu concordo em receber outras comunicações da FACIT. Para fornecer o conteúdo solicitado, precisamos armazenar e processar seus dados pessoais. Se você consentir com o armazenamento dos seus dados pessoais para essa finalidade. Eu concordo em permitir que a FACIT armazene e processe meus dados pessoais. Nossas práticas de privacidade e nosso compromisso em proteger e respeitar suas informações, estão em consonância com a LGPD – Lei Geral de Proteção de Dados. Política de Privacidade.