PROJETO MATA CILIAR: ACADÊMICOS DA FACIT LEVAM CONSCIENTIZAÇÃO A RIBEIRINHOS DO RIO ARAGUAIA

PROJETO MATA CILIAR: ACADÊMICOS DA FACIT LEVAM CONSCIENTIZAÇÃO A RIBEIRINHOS DO RIO ARAGUAIA

 

Mais uma edição do projeto Mata Ciliar da Faculdade de Ciências do Tocantins foi realizada no último fim de semana. Acadêmicos dos cursos de Administração, Análise de Sistemas, Direito, Odontologia, Radiologia e Medicina Veterinária marcaram presença em um final de semana de muito aprendizado prático e cuidado com a natureza. O trabalho é voltado ao estudo e ações de preservação do corredor Araguaia na região conhecida como Vitória Régia. 

O projeto institucional da faculdade foi coordenado pelo professor e coordenador do curso de direito da FACIT, Maicon Rodrigo Tauchert e pelo também professor Rafael Xavier. O trabalho foi feito dentro da disciplina Direito Ambiental e abordou principalmente os crimes ambientais e as boas práticas que devem ser adotadas na preservação do meio ambiente.

Os moradores foram conscientizados sobre a importância da preservação da floresta e do próprio rio Araguaia. Os acadêmicos conheceram de perto algumas áreas críticas que estão sendo recuperadas pela FACIT através do projeto FACIT Sustentável. A atividade foi acompanhada também por um biólogo que auxiliou a visita através de palestras e orientação sobre o plantio de mudas nativas no importante trabalho de recuperação e preservação da fauna e flora da região.

A atividade contou com palestras do engenheiro ambiental da Água Engenharia Gabriel Ipólito da Rocha e da engenheira ambiental da prefeitura de Araguaína Tamara Lopes. Os acadêmicos da FACIT aprenderam sobre a importância do trabalho de reflorestamento na manutenção da qualidade da água do rio que integra uma das principais bacias hidrográficas do país: Bacia do Araguaia.

Foi a primeira visita da aluna do curso de Direito, Milena Silva de Jesus que aprovou a iniciativa. “Foi uma experiência fantástica para todos nós. Tivemos a oportunidade de plantar mudas de espécies nativas da região, visitamos nascentes, Associação dos pescadores. Foi enriquecedor esse trabalho realizado pela FACIT. Um auxílio fundamental para a nossa carreira. Estou encantada”, disse.

O Projeto Mata Ciliar é desenvolvido pela FACIT desde 2015 e a cada ano, duas visitas técnicas são realizadas neste trabalho que atende aos requisitos estabelecidos pelo Ministério da Educação. Os alunos fazem um trabalho de pesquisa, desenvolvem relatórios e aprendem na prática o conceito real de sustentabilidade, uma das bandeiras defendidas pela Faculdade de Ciências do Tocantins. Mais de cinco mil árvores foram plantadas desde o início do trabalho que se tornou referência como uma das principais ações de reflorestamento do Tocantins.

 

 

 

 

 

  • Endereço
    Unidade I: Rua D 25, Qd 11, Lt 10 - Setor George Yunes (Próximo à Av. José de Brito)Unidade II: TO 222, Luiz Pires.
  • Contatos
    0800 646 7277(63) 3414 4625(63) 3413 2152